No Grupo de Convivência da Melhor Idade, cerca de 70 pessoas participam de atividades artísticas, culturais e excursões com o objetivo de recuperar a autoestima e o potencial criativo. Palestras com temas específicos com profissionais da área de saúde, orientam a viver com mais qualidade.

A história local é resgatada através de encontros entre as crianças e os idosos para troca de experiências, histórias e informações. Os encontros com grupos de outras cidades enriquecem a vivência dos idosos participantes.